30.10.09

Halloween.

Este ano decidi trazer abóboras da nossa horta do Alentejo em vez de ir ao mercado comprar uma bem feitinha mas que custa os olhos da cara. Estas não são cor-de-laranja, não têm o formato da praxe, são pequenas e tortas, já estão a apodrecer por fora, já têm mosquitinhos a rondá-las e mais uma semana e iam para o lixo. Mas são abóboras e por isso servem.

Logo à tarde já as vamos esquartejar.

Há 3 anos. Agora não acha muita graça, aliás já me pediu para guardar a mão de plástico nos caixotes da arrecadação. E tudo o resto principalmente os esqueletos de borracha que brilham no escuro e que a sua querida irmã lhe enfia no meio dos lençóis.

7 comentários:

Lisa disse...

ena ena ... mas podias ter feitos umas sopinhas de abobora ehehehhe

:D
cá em casa tb se comemora :P mas de outra forma!

bjinhos e feliz dia das bruxas!

Catarina Trindade disse...

Pois...eu finalmente consegui arranjar uma abóbora digna do Dia das Bruxas.....redona e cor-de-laranja. Hoje à noite vamos tratar dela e dps aguardo pelo bom doce de abóbora com nozes.

Entretanto a Bá hoje levou, para além da cabeleira, uma mala em forma de abóbora repleto de sugos de 1000 cores ;)

Umbigo disse...

mas tás a dizer que a minha abóbora é indigna?? tu vê lá hãm? levas. : ))

gosto dessa parte dos sugos.

Teresa disse...

eheheh! eu fiz uma para levar hoje! Era enorme! ficou linda! mas fiz na 2ª e entretanto apodreceu :(
Mas estava linda linda :)
jinhos e até logo

Umbigo disse...

ahahaha, que pena ter apodrecido. só tu têzinha!!

PLx disse...

já te estou a imaginar tipo fime psico.... i-i-i a esquartejar a abóbora... que a ver pelas fotos do post seguinte ... tens jeito para a coisa :)

Umbigo disse...

gosto do i-i-i-i
ahahaha